Prefeitura de Cambuci e o Carnaval sem crise

O Jornal Olhar vem abordando veementemente sobre a Prefeitura de Cambuci, mas o que chamou a atenção nas ultimas semanas foi o Carnaval 2017, como já havíamos adiantado aqui, o carnaval que estava estimado num valor total estimado em mais de R$ 130.000,00, que será pago pelos Royalties do Petróleo do Município de Cambuci, foi realizado o Pregão Presencial de N° 01/2017, o primeiro do ano. O grande porém é que municípios vizinhos, como Italva e Cardoso Moreira, se abstiveram de fazer o carnaval por conta da crise financeira e ainda por conta da perda da arrecadação dos royalties do petróleo, mas não foi o caso da Prefeitura de Cambuci que usou o próprio recurso dos royalties do petróleo para fazer o pagamento do Carnaval 2017, que foi sediado no município  

Como se não bastava a licitação do Carnaval 2017, a prefeitura ainda fez contratos, denominados dispensa de licitação para pagar os cachês dos shows do Carnaval 2017, confira os valores:

BANDA DK1: R$ 34.500,00
(pago a empresa C PEREIRA ME)

MICHELE FREIRE: R$ 53.000,00
(pago a empresa M F PRODUÇÕES E SERVIÇOS LTDA)

As bandas receberam o cachê referente acima, para fazer mais de um show cada, totalizando 4 shows por banda/artista. 

Só os custos com a banda e artistas foram de R$ 87.500,00, mais a licitação para estrutura do Carnaval 2017.

Mas pelo jeito as contas da Prefeitura Municipal de Cambuci estão em dia pelo que parece, mas pelo contrário tem fornecedor que diz ter vendido para prefeitura em março de 2016 e vai comemorar um ano já e não recebeu, em breve vamos voltar com essa informação, que o fornecedor promete entregar todas as documentações para publicar.

ESTAMOS DE OLHO !!!

FONTE: Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro e Prefeitura M. d Cambuci

Nenhum comentário