Rafael Diniz vai endurecer medidas de isolamento e fala sobre Hospital de Campanha



O Prefeito Rafael Diniz em um alerta neste sábado (9) com relação ao atendimento no Centro de Controle e Combate ao Coronavírus, que está com mais de 80% dos leitos de UTI ocupados. 
- A Prefeitura vem fazendo a parte dela, os profissionais da saúde estão na linha de frente para o tratamento dos pacientes, mas a população precisa colaborar. Já adotamos, desde março, medidas para garantir o isolamento social, mas ainda tem muita gente na rua. O Hospital de Campanha do Governo do Estado ainda não ficou pronto. Senão fizermos o isolamento social, a tragédia vai chegar. Na próxima segunda, vamos endurecer as medidas de isolamento - frisou Rafael Diniz

Um novo boletim divulgado pela prefeitura de Campos na noite deste sábado (9) aponta que o município registra mais 10 novos casos de coronavírus. São quatro homens e seis mulheres entre 36 e 73 anos. Dos novos casos, seis apresentam comorbidades, como asma, câncer e hipertensão arterial.
 O Prefeito Rafael Diniz frisou ainda sobre o hospital de campanha de Campos que não está pronto e por isso terá que tomar atitudes, pelo jeito não está satisfeito com Witzel.
 Com relação ao óbito registrado hoje, trata-se de um idoso de 73 anos, hipertenso e com insuficiência renal crônica. Ele estava internado na UTI de um hospital particular. 
Campos contabiliza 177 casos confirmados de coronavírus, sendo 9 óbitos. Dos casos confirmados, 95 são mulheres e 82 homens com idades entre um mês e 91 anos. Até o momento, 47 casos foram descartados.
Estão sob investigação 93 casos de síndrome respiratória aguda grave (SRAG) e 408 de síndrome gripal (SG), além de seis óbitos.
Há uma divulgação em que Campos deve receber em torno de R$ 50 Milhões, para ajudar no combate ao Covid-19.

Expresso Campista / Jornal Olhar

Nenhum comentário