Canarinhos com agenda cheia para o Natal


Canarinhos com agenda cheia para o Natal
Próxima apresentação é neste sábado, na Casa Stefan Zweig

De volta para casa, depois de dois dias de apresentações em Curitiba (PR), quando participaram do Congresso Franciscano, o Coral dos Canarinhos de Petrópolis já tem encontro marcado com o público. Neste fim de semana, os coralistas se apresentam na Casa Stefan Zweig. Além disso, dois Canarinhos serão os protagonistas da Ópera Menino Maluquinho, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

A primeira apresentação será na Casa Stefan Zweig, neste sábado (5), a partir das 17h. “O espaço, com o seu trabalho e com estas apresentações, promove um grande movimento cultural na nossa cidade. É um grande prazer para o Coral dos Canarinhos se apresentar em um espaço que homenageia a obra do grande escritor, que passou boa parte de sua vida em Petrópolis”, afirmou o maestro do Coral dos Canarinhos, Marco Aurélio Lischt. A apresentação irá mesclar o erudito com clássicos da Música Popular Brasileira.

Obras como “Christus est natus”, de Damijan Močnik; “Mariae Wiegenlied”, de Max Reger e “All that hath life and breath praise ye the,” de René Clausen serão executadas, além de canções populares como “Correnteza”, de Tom Jobim; “Canção da América”, de Milton Nascimento; “Aquarela do Brasil”, de Ary Barroso; e “Vira Virou”, de Kleiton & Kledir.

Em todas estas apresentações, o público poderá adquirir CDs dos Corais do Instituto dos Meninos Cantores de Petrópolis, que são uma boa opção de presente para quem gosta de música de qualidade. Nos eventos, estarão à venda os álbuns Christus Est Natus, Ó Vinde Ver Já Nasceu e Reflexos do Brasil, do Coral dos Canarinhos, e o Memorare, das Meninas dos Canarinhos de Petrópolis, lançado no ano passado.

Canarinhos participam da Ópera Menino Maluquinho

Para dois integrantes do Coral dos Canarinhos de Petrópolis, este fim de ano será ainda mais especial: Pedro André Bedeschi Mendes e Paulo Vinicius da Silva Pantaleão serão os protagonistas, encarnando O Menino Maluquinho e seu amigo Bocão, na Ópera Menino Maluquinho. Na ópera, que será apresentada no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, os 35 anos do personagem são comemorados com música e coreografia.

Com direção musical e regência de Roberto Duarte, libreto de Maria Gessy de Sales, direção de cena de Sura Berditchevsky e cenografia de Daniela Thomas (filha do autor), a produção reúne um elenco de mais de cem pessoas. Em cena, serão 10 solistas adultos e três infantis, um coral infantil de 40 crianças, um coral adulto de 16 integrantes e a Orquestra Sinfônica da UFRJ, com 35 músicos.

“Estou muito feliz! É uma honra e uma responsabilidade muito grande se apresentar no Municipal. Participar da ópera e dos ensaios são uma grande fonte de aprendizado para nós”, destacou Paulo Vinícius. “Os ensaios estão sendo muito legais. Estou gostando de tudo. Para mim, participar de um concerto de ópera no Theatro Municipal do Rio de Janeiro é um sonho realizado”, afirma Pedro André.

Lançado em 1980, a história do menino que tinha “o olho maior do que a barriga e vento nos pés” se tornou um clássico da literatura brasileira, e alcançou três milhões de exemplares vendidos até hoje. A ópera procura levar o personagem a um novo patamar para sua legião de fãs.

Serviço
Apresentação na Casa de Stefan Zweig
Data e horário: 5 de dezembro (sábado), às 17h
Local: Rua Gonçalves Dias, 34 – Valparaíso
Entrada gratuita

Menino Maluquinho​: A Ópera
Datas e horários: 5 de dezembro (sábado), às 20h; 6 de dezembro (domingo), às 17h; 10 de dezembro (quinta), às 20h; 11 de dezembro (sexta), às 20h; 12 de dezembro (sábado), às 17h; 13 de dezembro (domingo), às 17h
Local: Theatro Municipal, Praça Floriano, S/N – Centro – Rio de Janeiro
Ingressos: Plateia e Balcão Nobre: R$84; Balcão Superior: R$60; Galeria: R$30
Onde comprar: www.ingresso.com; telefone: (21) 4002-0019 e na bilheteria do teatro

Nenhum comentário