Responsive Ad Slot

Policial

Policial

CAMBUCI: Contas do Prefeito Agnaldinho são rejeitadas, veja os vídeos

sexta-feira, 22 de maio de 2020

/ PPM

O TCE-RJ, Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro, já teria recomendado a não aprovação das contas, referente a 2018, do Município de Cambuci, localizado no Noroeste Fluminense do Estado do Rio Janeiro.

Porém a salvação do Prefeito de Cambuci, Agnaldo Vieira Mello, conhecido como Agnaldinho, seria a Câmara Municipal do Município votar contrário ao parecer do TCE, mas o plenário da Câmara ao invés de votar contrário ao parecer, votando para a aprovação das contas, acabaram acompanhando o parecer do TCE e rejeitando as contas do exercício de 2018 do Prefeito Agnaldinho.

Votaram para rejeição das contas os Vereadores Murillo Defanti, José Ronaldo, João Inocêncio, Leila velasco, Marllon Chambela e Maxweall Guimarães. Ainda se absteve do seu voto por não estar presente o vereador Jorge Navega (Jorge do Boné). Já o Vereador Oscar Mello foi impossibilitado de votar por ter proximidades e parentesco com o Prefeito Agnaldinho.

Já corre nas redes sociais e aplicativos por conta da não aparição do Vereador Jorge do Boné, já que era uma votação importante para o Futuro de Cambuci.

Por maioria ficou reprovada as contas do Prefeito Agnaldinho, que pode ficar inelegível e ficha suja segundo prevê a legislação, o que não muda muito, pois o mesmo já está há oito anos no cargo e não pode se reeleger.

O Prefeito se esclarece e fala de alguns nomes e fatos, mas o Vereador Murillo Defanti rebate, veja o Vídeo do Prefeito: (Depois o vídeo do Vereador)


Abaixo segue o vídeo do Vereador Murillo Defanti, que desabafa e ainda faz algumas revelações sobre a votação e sobre alguns fatos que ocorreram durantes esses últimos anos no município de Cambuci.
Confira o vídeo:



Mais
© Jornal Olhar
Todos os direitos reservados.