Morre dono do bordão "ligue dja"


O astrólogo  porto-riquenho Walter Mercado morreu na noite deste sábado (2) aos 87 anos. A porta-voz do hospital Sofía Luquis disse à Associated Press no domingo (3) que Mercado morreu de insuficiência renal no Hospital Auxilio Mutuo, em San Juan, no final do sábado.
Ela não estava autorizada a divulgar mais detalhes, incluindo quantos dias ele havia sido hospitalizado e se havia se mudado de volta para Porto Rico, do sul da Flórida.
Mercado nasceu em Ponce, uma das maiores cidades de Porto Rico. Ele trabalhou brevemente em emissoras de TV no território do Caribe dos EUA antes de se mudar para o sul da Flórida.
Lá, ele ganhou fama por seu segmento diário de horóscopo na TV em espanhol, transmitido de maneira dramática com um toque exagerado do som "r". Ele utilizava longos e coloridos tecidos e enormes anéis de pedras preciosas, que ele exibia enquanto apontava para telespectadores.
Sua frase de efeito para o público era: "Acima de tudo, muito e muito amor".
Mercado nunca declarou publicamente sua sexualidade, mas ele era um ícone na comunidade gay como alguém que desafiava a cultura conservadora da televisão na América Latina.
"Ele confere à drag queen autoridade papal", escreveu Diana Taylor, professora da Escola Tisch de Artes Cênicas da Universidade de Nova York, em uma crítica de 2003.

Nenhum comentário