Após pré anúncio de falência do Estado do Rio, Pezão pode ficar mais tempo de licença

O governador Pezão estendeu a licença médica até 28 de setembro. Mas Sérgio Cabral, Jorge Picciani e outras lideranças do PMDB estão tentando convencê-lo a estender a licença ainda mais, até dezembro. E claro, maquiavélicos, querem usar o governador em exercício, Francisco Dornelles como "bucha". 

É que será inevitável anunciar a falência do Estado depois das eleições, além de que não há dinheiro para pagar os servidores estaduais a partir de novembro. O plano é deixar o desgaste para Dornelles, assim depois Pezão se eximiria de culpa e voltaria como quem vai salvar as finanças do Rio de Janeiro. Tudo, como sempre, para tentar enganar a população.

Nenhum comentário