Enquete e Pesquisa Eleitoral de Cardoso Moreira

Na enquete realizada pelo nosso site, que finalizou no dia 15, da uma vitória de Gegê Cantarino em Primeiro Lugar com 80% dos votos, sendo Gilson e Renato Jacinto em 2° Lugar, com 15%, Ganso ficou com 1% e já não é mais Pré Candidato e somando os outros votos da um total de 2%.

Então na opinião dos leitores dá uma vitória a Gegê Cantarino com uma grande folga.
Sendo que em uma pesquisa divulgada recentemente da empate técnico ou Vitória de Gilson Siqueira, veja mais:


Pesquisa do instituto Pro4 em Cardoso Moreira aponta para uma disputa acirrada pelo comando da Prefeitura, caso as eleições fossem hoje. Em todos os cenários, a sondagem indica um empate técnico entre o atual prefeito Gegê Cantarino (PMDB) e o ex-prefeito Gilson Siqueira (PP). Ambos figuram na lista de prefeitáveis do município. A pesquisa do Pro4, encomendada pela Folha da Manhã, foi realizada no mês de abril e ouviu 431 eleitores do município. A margem de erro é de 4,7 pontos percentuais, para mais ou para menos, em um intervalo de confiança de 95%.

Na espontânea, quando o entrevistador não apresenta nenhuma opção ao entrevistado, Gegê Cantarino aparece com 23%, seguido por Gilson com 21,8. Os outros citados, não alcançam a marca de 1% (como pode ser verificado no infográfico ao lado). Brancos e nulos chegam a 1,2%. Já 51,3% dos abordados informaram que não sabe em quem votar ou não respondeu.

Quando o instituto apresenta como possíveis candidatos Gegê, Gilson, Renato Jacinto (PSDB), Gansinho, Júnior da Farmácia, Neto da Educação e Gersinho, o ex-prefeito assume a ponta, mas continua tecnicamente empatado com o atual. Gilson Siqueira tem 36% das intenções de voto, enquanto Gegê Cantarino aparece com 34,1%. O vice-prefeito Jacinto — que já foi prefeito do município — soma 5,6%. Gansinho tem 2,3%, Júnior e Neto aparecem empatados com 1,5%, enquanto Gersinho fica 0,5%. Brancos e nulos são 4,4%. Neste cenário (1), 14,4% dos entrevistados não sabe em quem votar ou não respondeu.

O segundo cenário apresentado aos eleitores traz Gilson e Renato na mesma chapa, como eles já tem anunciado a intenção de lançar a candidatura e os demais candidatos do cenário 1. Nessa perspectiva, Gilson e Renato chegam a 41,1%, Gegê tem 34,6%. Bem depois aparecem Gansinho (2,3%), Neto (1,6%), Júnior (1,4%) e Gersinho (0,7%). Neste cenário (2), é observado outro empate técnico e a intenção de votos brancos e nulos chega a 3,5%. A pesquisa aponta também que 14,8% dos entrevistados não sabem em quem votar.

O Pro4 usou o cenário 2 para analisar o possível resultado das eleições em votos válidos, quando são excluídos brancos, nulos e indecisos. Novo empate técnico é registrado. Gilson e Renato chegaram a 50,3% e Gegê a 42,3%, seguido por Gansinho (2,8%), Neto (2%), Júnior (1,7%) e Gersinho (0,9%).

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral, sob a inscrição RJ-01902/2016.

Pesquisa avalia também a rejeição — Nas ruas de Cardoso Moreira, o instituto Pro4 também questionou os entrevistados sobre a rejeição aos possíveis candidatos a prefeito nas eleiçõers deste ano. Usando o cenário 2 como referência, o instituto questionou em qual dos candidatos o entrevistado não votaria de jeito nenhum.

O atual prefeito do município, Gegê Cantarino, aparece com 21,8%. O pré-candidato Gansinho tem 15,8%, seguido por Gilson e Renato, com 14,6%. Júnior da Farmácio aparece com 4,6%, Gersinho com 4,2% e Neto da Educação tem 0,9%.

Nenhum comentário