Miracema e Varre-Sai são finalistas no Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor



As cidades de Miracema e Varre-Sai, no Noroeste Fluminense, são finalistas da etapa estadual da 9ª Edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, destacando-se pelo estímulo ao empreendedorismo e o incentivo às micro e empresas. O prefeito Juedyr Orsay, de Miracema, concorre na categoria Melhor Projeto; e Everardo Ferreira, de Varre-Sai, na categoria Pequenos Negócios no Campo.  

O resultado será anunciado nesta quarta-feira (30/03). A cerimônia de entrega da premiação acontece no Salão Nobre do Palácio Guanabara, sede do Governo do Estado, com as presenças do Governador do Estado do Rio de Janeiro, em exercício, , Francisco Dornelles; do diretor-superintendente do Sebrae/RJ, Cezar Vasquez; do presidente da Associação Estadual de Municípios-RJ, Anderson Zanon e demais autoridades.

Com o projeto Novos Tempos, Miracema concorre com outros sete municípios na principal categoria: Melhor Projeto.  O objetivo do prefeito Juedyr Orsay é mudar o cenário econômico, atraindo novas indústrias, capacitando mão de obra, incentivando a formalização e fomentando pequenos negócios.  “Tenho a visão de que uma construção se começa pela base, então foi muito natural assumir o governo e direcionar as ações ao fomento dos pequenos negócios. É um honra estar entre os finalistas”, afirma Orsay.

Varre-Sai participa com o projeto Empreendedor no Campo, na categoria Pequenos Negócios no Campo, e também concorre com outros sete municípios. “A finalidade do projeto era proporcionar a permanência do homem no campo, mas não a qualquer custo. Ele vai continuar lá porque está ganhando dinheiro, tem qualidade de vida. Por isso visamos valorizar o trabalhador rural, dando condições para o aumento da produção e a abertura de mercados”, diz o prefeito Everardo Oliveira. Varre-Sai é o maior produtor de café do Estado.

Concorrem ao Prêmio projetos com resultados comprovados, mesmo que ainda parciais, de beneficiamento de empresas formais ou em processo de formalização, individuais ou organizadas em consórcios e associações, localizadas em áreas urbanas e rurais. As edições são bianuais e realizadas em âmbito estadual e nacional.

Prefeito Empreendedor
O objetivo do Prêmio é reconhecer e contemplar a capacidade administrativa de gestores públicos e valorizar iniciativas bem-sucedidas de apoio à micro e pequenos negócios, que representem efetiva contribuição à modernização da gestão pública e ao desenvolvimento econômico e social dos municípios. Do total de 63 prefeitos que concorreram ao prêmio, 29 são os finalistas. Os vencedores da etapa estadual estarão classificados para a etapa nacional e automaticamente recebem o selo “Prefeito Empreendedor - Finalista Nacional”.

Os municípios concorrem em oito categorias: Melhor Projeto e sete destaques temáticos -  Implementação e Institucionalização da Lei Geral; Compras Governamentais de Pequenos Negócios; Desburocratização e Formalização; Pequenos Negócios no Campo; Inovação e Sustentabilidade; Municípios Integrantes do G100 e Inclusão Produtiva com Segurança Sanitária. Conheça os finalistas:

MELHOR PROJETO:
Iguaba Grande: Crescendo com Responsabilidade e Sustentabilidade.
Itatiaia: Compromisso com os Pequenos Negócios.
Miracema: Novos Tempos.
Niterói: Niterói Empreendedora - Construindo a melhor cidade para se viver e ser feliz.
Resende: Sinergia Fomentando os Pequenos Negócios.
Rio das Ostras: Turismo, qualificação e trabalho - reinventando o futuro.
Três Rios: Cidade Feliz.
Volta Redonda: Bairro Empreendedor - Minha Casa, Minha Vida, Meu Negócio.

IMPLEMENTAÇÃO E INSTITUCIONALIZAÇÃO DA LEI GERAL
Cantagalo: Lei Geral implementada e o seu reflexo na administração e na economia local.
Casimiro de Abreu: A implantação da Lei Geral como ferramenta de desenvolvimento local.

COMPRAS GOVERNAMENTAIS DE PEQUENOS NEGÓCIOS
Cantagalo: O Poder de Compra da Prefeitura como Instrumento de Desenvolvimento dos Pequenos Negócios.
Trajano do Moraes: Compras Governamentais de Pequenos Negócios.
Três Rios: Compra do Pequeno.

DESBUROCRATIZAÇÃO E FORMALIZAÇÃO
Cachoeiras de Macacu: Desburocratizando Macacu.
Carmo: Menos Exigência, mais Eficiência.
Paraíba do Sul: Simplificação para Formalização dos Pequenos Negócios.
Piraí: Piraí Empreendedor.
Rio de Janeiro: Projeto Desburocratização Rio Mais Fácil - Eventos e Negócios.

PEQUENOS NEGÓCIOS NO CAMPO
Casimiro de Abreu: Agroturismo como ferramenta para o desenvolvimento rural sustentável.
Magé: Agricultura Familiar Contribuindo para Segurança Alimentar.
Paraíba do Sul: Empreendedorismo Rural Sustentável.
Pinheiral: Pinheiral Orgânico.
São João da Barra: Agricultura Sustentável, Caminhando com o Desenvolvimento Industrial.
Silva Jardim: Produtor Rural - Uma Gestão Integrada e Sustentável.
Quissamã: Do Campo à Escola - Agricultura sustentável garante alimentação saudável e integra o desenvolvimento de Quissamã;
Varre-Sai: Empreendedor no Campo.

INOVAÇÃO E SUSTENTABILIDADE
Nova Friburgo: Cidade Inteligente - Prefeitura Humana e Sustentável.
Cordeiro: Centro Vocacional Tecnológico.
Areal: Programa Municipal de Coleta Seletiva Solidária.
Duque de Caxias: Coleta Seletiva - Inovando e Reciclando Vidas.
Iguaba Grande: Crescendo com Responsabilidade e Sustentabilidade.
Resende: Sinergia Fomentando os Pequenos Negócios.
Rio das Ostras: Turismo, qualificação e trabalho: reinventando o futuro.
MUNICÍPIOS INTEGRANTES DO G100
Mesquita: Agronegócios.
Nova Iguaçu: Uma Visão Plural de Desenvolvimento.

INCLUSÃO PRODUTIVA COM SEGURANÇA SANITÁRIA
Trajano de Moraes: Visa Legal.
Campos dos Goytacazes: Sustentabilidade do Pequeno Negócio Rural pela Formalização e Segurança Alimentar.

Nenhum comentário