O estado está sem dinheiro, mas vai gastar R$ 150 milhões em propaganda.


Depois de gastar Milhões na virada tradicional de ano, onde pagou somente a Zeca Pagodinho um cachê R$ 800 mil.

Apesar da crise pesada, o governo Luiz Fernando Pezão não pensa em diminuir os investimentos em propaganda. 

No último dia útil de 2015, o governo do Rio de Janeiro bateu o martelo na concorrência para as agências que farão suas campanhas publicitárias e institucionais

 O valor será de R$ 120 milhões, que pode chegar a R$ 150 milhões, dado que o edital prevê um aditivo de 25%. 

O mesmo valor de 2015. São seis as agências que dividirão a conta: Agencia 3, Binder, Prole, Artplan, Propeg e Agencia Nacional. Dessas, Prole e Binder já são contratadas atualmente pelo governo.

Lembrando que a Saúde do Rio está sem Saúde mesmo, a dívida já está na casa dos Bilhões, confira aqui.


Fonte: Lauro Jardim/O Globo

Nenhum comentário