Petrobrás: Justiça revela que PT recebeu mais de 200 Milhões e PF faz mais prisões hoje!


Os depoimentos de Barusco, divulgados nesta quinta-feira pela Justiça Federal do Paraná, serviram para que a Polícia Federal deflagrasse a nona fase da Operação Lava Jato, que cumpriu mandados em São Paulo, Rio, Bahia e Santa Catarina, além de levar João Vaccari para depor.

O ex-gerente da diretoria de Serviços da Petrobras Pedro Barusco revelou à Justiça Federal, em delação premiada, que o Partido dos Trabalhadores (PT) recebeu entre US$ 150 milhões e US$ 250 milhões, no período de 2003 a 2013, em propina de 90 contratos firmados pela petroleira. Segundo ele, pelo menos US$ 50 milhões passaram pelo atual tesoureiro do PT, João Vaccari Neto. 

A Policia Federal (PF) deflagrou na manhã de hoje (5) nova fase da Operação Lava Jato, que investiga desvios de recursos na Petrobras. Cerca de 200 agentes federais e servidores da Receita Federal cumprem 62 mandados judiciais em São Paulo, no Rio de Janeiro, na Bahia e em Santa Catarina.

Ao todo, são 18 mandados de condução coercitiva, um de prisão preventiva, três de prisão temporária e 40 de busca e apreensão. Segundo a PF, a nova fase foi originada a partir da colaboração de um dos investigados, documentos e contratos apreendidos em fases anteriores, além de informações prestadas por uma ex-funcionária de empresa que foi alvo da operação.



Nenhum comentário