Mais um deputado para o Norte Fluminense

Divulgação / Facebook

Papinha concede entrevista à TV Alerj ao ser diplomado como suplente de deputado estadual
Paulo Renato Pinto Porto

Campos vai ganhar mais um representante na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) em 2015. O ex-vereador do município Antônio Marcos da Silva (PP), mais conhecido por Papinha, que no próximo domingo completa 43 anos, assume no ano que vem a vaga de deputado estadual graças à nomeação do deputado eleito José Luiz Anchite (PP) para a Secretaria de Desenvolvimento Regional, Abastecimento e Pesca. Papinha obteve 7.262 votos nas últimas eleições e acabou na condição de suplente.

Nas redes sociais, Papinha disse ter recebido ligação telefônica do governador do Estado do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), e do vice eleito, Francisco Dornelles (PP). E manifestou agradecimento pelo "presente" antecipado de aniversário. "Obrigado meu Deus por esse grande presente. O governador Pezão e o Dornelles acabaram de me ligar dizendo que vou assumir o cargo de deputado estadual. Agradeço a todos", exultou. A posse dos deputados estaduais do Rio acontece no dia 2 de fevereiro. 

Visibilidade na CPI da Campos Luz


O novo deputado disse ter também projetos para o meio ambiente e em beneficio do distrito de Travessão, na região norte de Campos, onde reside. "Tenho um projeto que visa remunerar as pessoas que moram nas regiões ribeirinhas ao Rio Paraíba do Sul, com o aproveitamento do material reciclável. Em vez de jogarem lixo no rio, eles irão gerar trabalho e renda através desse material", revelou. "Outra luta que pretendo abraçar na Alerj é a construção de rede de esgoto para o sétimo distrito", acrescentou. 

Em Campos, Papinha ganhou visibilidade em seu mandato como vereador quando presidiu a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Campos Luz (empresa pública extinta pelo atual governo), um escândalo que teria causado um rombo de R$ 40 milhões nos cofres públicos do município, em 2008. 

Além de Papinha, Campos conta ainda com Geraldo Pudim (PR), João Peixoto (PSDC) e Bruno Dauaire (PR) como representantes na Alerj. A Região Norte/Noroeste Fluminense, como um todo, tem também Jair Bitencourt (PR), de Itaperuna, somando cinco deputados em sua representação. 

Outros secretários

Pezão já tem praticamente definidos os nomes de todo seu secretariado. Depois de anunciar diversos nomes, como o da deputada estadual Cidinha Campos (PDT), para a pasta de Defesa do Consumidor e Carlos Roberto Osório para a de Transportes, além de Anchite, o governador divulgou mais seis novos secretários. 

Foi confirmado o nome de Leonardo Espíndola, na Casa Civil. A Secretaria de Saúde será comandada por Felipe Peixoto; a de Esporte, Lazer e Juventude, por Marco Antônio Cabral; a de Cultura, Eva Doris Rosental; e a de Turismo, Nilo Sérgio. 

O governador também anunciou o nome de Hudson Braga para coordenador executivo de Infraestrutura e Integração Governamental, além de Vicente Loureiro como diretor executivo da Câmara Metropolitana. 
Foram anunciados ainda Paulo Melo para a Secretaria de Governo; Arolde de Oliveira para a Secretaria de Trabalho e Renda; Bernardo Rossi para a pasta de Habitação e José Luiz Nanci para a de Envelhecimento Saudável e Qualidade de Vida. Pezão também; Christino Áureo para a de Agricultura e Pecuária e Antonio Neto para a de Educação.

Também estão confirmados Lucia Léa (Procuradoria Geral do Estado), coronel Sérgio Simões (Defesa Civil), coronel César Rubens de Carvalho (Administração Penitenciária), Felipe Pereira (Prevenção à Dependência Química), Gustavo Tutuca (Ciência e Tecnologia), Teresa Cosentino (Assistência Social e Direitos Humanos), José Iran Peixoto Jr (Obras), Claudia Uchôa (Planejamento), André Correa (Ambiente), Carlos Roberto Osório (Transportes), Cidinha Campos (Proteção e Defesa do Consumidor), Julio Bueno (Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços), Sérgio Ruy Barbosa (Fazenda) e José Mariano Beltrame (Segurança Pública). Todos assumem em 1º de janeiro.

Nenhum comentário