Responsive Ad Slot

Política

política

Investimento em conhecimento para as famílias carentes em SFI

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

/ JORNAL OLHAR

As localidades de Bom Jardim e Gargaú, em São Francisco de Itabapoana, foram contempladas com o projeto Agente de Leitura, que consiste na visitação semanal de profissionais levando conhecimento, por meio da leitura de livros, às famílias beneficiadas pelo programa Bolsa Família.
Na manhã, desta quarta-feira (06), a secretária de Educação e Cultura , Kátia Regina, acompanhada do Diretor de Cultura, Edinho Martins, o vice-prefeito, Amaro Barros, e a assistente da Superintendência da Leitura e Conhecimento do estado, Suelem Villafuerte, entregou kits de trabalho ( Mochila, boné, camisa, mais de 100 livros de escritores renomados e bicicleta) aos três agentes selecionados no município, através de processo seletivo e capacitação profissional.
“Este projeto vem contribuir para a formação de leitores/cidadãos críticos e reflexivos, em especial, aqueles que não têm acesso à livros. Vale destacar que a leitura é compartilhada e comentada entre os familiares, sendo e mediada e estimulada pelo agente de leitura”, ressaltou Kátia.
A professora, Maria Vanúcia, 21 anos, uma das agentes da leitura selecionada para atuar na localidade de Bom Jardim, falou da sua participação no projeto. “É muito prazeroso saber que estou dando a minha parcela de contribuição facilitando o acesso ao conhecimento e ampliando os horizontes desde a criança ao idoso”, contou.
O projeto Agente de Leitura é uma ação do Governo Federal executada pela Secretaria de Cultura do Estado. Está funcionando, desde 2012, em parceria com a Secretaria de Educação e Cultura de São Francisco de Itabapoana.


Fonte: Ascom São Francisco de Itabapoana
Mais
© Jornal Olhar
Todos os direitos reservados.